Portal de Indaiatuba

Quinta-feira, 25 de Julho de 2024
Rádio Jornal
Rádio Jornal

Notícias Economia

ISA CTEEP inicia Plano de Operação para o Verão no litoral paulista

Iniciativa conta com o investimento de R$ 60 milhões, até o final de 2023, no sistema de transmissão para garantir a maior robustez na confiabilidade do fornecimento de energia

ISA CTEEP inicia Plano de Operação para o Verão no litoral paulista
Investimentono sistema de transmissão para garantir robustez do fornecimento de energia
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

A ISA CTEEP, líder em transmissão de energia no Brasil, iniciou o Plano de Operação para o Verão 2023/2024, iniciativa que conta com o investimento de R$ 60 milhões, até o final deste ano, para garantir a maior robustez na confiabilidade do fornecimento de energia. A companhia é o elo entre a geração e a distribuição e, por meio de suas linhas de transmissão, trafega a energia gerada nas usinas para ser entregue às empresas que a distribui aos consumidores.

As iniciativas da companhia para o seu Plano de Operação para o Verão 2023/2024 foram definidas em parceria com os demais agentes do setor elétrico nas regiões da Baixada Santista, Litoral Norte e Litoral Sul, a fim de preservar a segurança e a confiabilidade no fornecimento de energia durante a alta temporada.

Entre os meses de janeiro e outubro, a ISA CTEEP desenvolveu um plano robusto que inclui mais de 120 testes e simulações para a avaliação da capacidade de resposta a uma eventual ocorrência. Para agilizar o deslocamento de equipes para áreas de difícil acesso, a empresa dispõe de um helicóptero estrategicamente localizado em Cubatão. Além disso, realizou uma série de ações de inspeção, manutenção preventiva e conservação de faixas por onde passam as linhas de transmissão que abastecem o litoral. 

Em fevereiro deste ano, por exemplo, o plano de atendimento especial foi essencial para manter o suprimento de energia, depois que fortes chuvas acometeram de forma atípica o Litoral Norte, sobretudo o município de São Sebastião, em que foi decretado o estado de calamidade pública por 180 dias. À época, a ISA CTEEP atuou rapidamente com ações preventivas em caráter imediato em sua linha de transmissão LT 138 kV São Sebastião/Bertioga 2, priorizando a continuidade da transmissão de energia na área afetada e o abastecimento à população.  

Renovação da rede de transmissão

Atualmente, grande parte da infraestrutura da Baixada Santista foi estabelecida na década de 1.970 e sua modernização constante é necessária. Apenas em reforços e melhorias, que visam à modernização de ativos já existentes, serão investidos R$ 60 milhões, até o final deste ano, em infraestruturas que atendem o Litoral Paulista. Ainda, a companhia inspecionou 576 quilômetros de linhas de transmissão e registrou cerca de 60 horas de voo em inspeções aéreas, com apoio de drones. Destaque é o recente investimento de R$ 45 milhões para a renovação de 9,6 quilômetros de linhas de transmissão e substituição de 22 torres localizadas na região da Serra do Mar, com o objetivo de preservar a segurança no fornecimento de energia elétrica para o Sistema Interligado Nacional (SIN).

Com iniciativas que se estendem até a terceira semana de fevereiro de 2024, a empresa ainda está realocando transformadores e subestações móveis que servirão de suporte para o restabelecimento mais ágil do fornecimento de energia em casos de eventuais ocorrências. Além disso, equipamentos utilizados na manutenção da rede estão sendo redistribuídos na região para que as equipes possam atuar de maneira ainda mais eficiente.

“Nos meses que antecedem o Verão, desenvolvemos um plano robusto com duas finalidades principais: preparar a rede de transmissão para evitar ocorrências durante a alta temporada e atuar com máxima agilidade em caso de uma eventual emergência em nossos ativos”, afirma Gabriela Desirê, diretora executiva de operações da ISA CTEEP.

Pioneirismo - Sistema de armazenamento

Para a operação, a ISA CTEEP também conta com o primeiro projeto de armazenamento de energia em baterias em larga escala do sistema de transmissão brasileiro, considerado o ponto-chave do plano por assegurar o abastecimento em momentos de pico de consumo. Instalado na Subestação Registro (SP), uma das responsáveis pela transmissão de energia para o Litoral Sul de São Paulo, o sistema foi utilizado antes mesmo da chegada do Verão, no feriado prolongado referente ao Dia de Finados. 

No Réveillon de 2022/2023, o Litoral Paulista registrou a demanda de 1.685 MW, energia suficiente para atender o equivalente a 5,7 milhões de pessoas, mais do que o dobro da população fixa da região. Na ocasião, a ISA CTEEP colocou em operação o seu sistema de armazenamento, que realizou, em 31 de dezembro, às 19h21, a primeira descarga de energia armazenada no sistema de transmissão para reduzir o pico de carga e evitar interrupção no fornecimento para a população.

Mudanças climáticas

O Plano de Operação para o Verão também visa a preparar a rede para eventuais eventos climáticos extremos, como os recentes acontecimentos que atingiram o Brasil: muita chuva no Sul, calor nas regiões Sudeste e Centro-Oeste e ventos de mais de 100 km/h no Estado de São Paulo.

Segundo a pesquisadora Friederike Otto, do Imperial College London, são esperados novos recordes climáticos ainda neste segundo semestre e 2023 e no início de 2024. “A obra que estamos realizando na Serra do Mar, por exemplo, é essencial para que a rede consiga lidar bem com eventuais ventos fortes”, explica Gabriela.

Comentários:

Veja também

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!