Portal de Indaiatuba

Quinta-feira, 18 de Julho de 2024
Rádio Jornal
Rádio Jornal

Notícias Saúde

HAOC inicia funcionamento do quarto turno de hemodiálise

Com o novo turno iniciado dia 1º, não há mais pacientes aguardando internado para fazer sessão de diálise.

HAOC inicia funcionamento do quarto turno de hemodiálise
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

No dia 1º de julho de 2024, o Hospital Augusto de Oliveira Camargo (HAOC) iniciou o funcionamento do quarto turno de hemodiálise, atendendo inicialmente 11 pacientes. Este novo turno, que ocorre das 21h30 à 1h, foi implementado com o objetivo de atender a uma demanda crescente e assegurar que nenhum paciente precise aguardar internado para fazer sua sessão de diálise. 

Com os quatro turnos em funcionamento, o HAOC está atendendo 162 pacientes. A programação já prevê admissões a partir de segunda-feira, 8 de julho, com a transferência de pacientes de outras clínicas, especialmente aqueles em estado clínico mais frágil, como acamados e cadeirantes.

A estrutura de turnos para o atendimento de hemodiálise no HAOC é a seguinte:

  • 1º turno: 06h às 10h
  • 2º turno: 11h às 15h
  • 3º turno: 16h às 20h
  • 4º turno: 21h30 às 1h

Atualmente, o quarto turno está disponível nas segundas, quartas e sextas-feiras, enquanto os outros turnos funcionam também nas terças, quintas e sábados.

O Que é Hemodiálise?

A hemodiálise é um tratamento que substitui a função dos rins quando eles não são mais capazes de filtrar adequadamente as toxinas e o excesso de líquidos do sangue. Durante o procedimento, o sangue do paciente é circulado através de uma máquina de hemodiálise, onde é filtrado antes de ser devolvido ao corpo.

A hemodiálise é geralmente necessária em casos de insuficiência renal crônica ou aguda. Algumas condições clínicas que podem levar à insuficiência renal incluem:

  • Diabetes mellitus
  • Hipertensão arterial (pressão alta)
  • Glomerulonefrite (inflamação dos glomérulos renais)
  • Doenças renais hereditárias (como a doença renal policística)
  • Infecções graves
  • Complicações de cirurgias ou tratamentos médicos
  • Uso prolongado de medicamentos nefrotóxicos (que prejudicam os rins)

A prevenção de doenças renais e, consequentemente, da necessidade de hemodiálise, envolve adotar hábitos saudáveis e realizar monitoramentos regulares de saúde:

  • Manter uma dieta balanceada: Reduzir o consumo de sal e alimentos processados e ultraprocessados. Ingerir frutas, vegetais e alimentos ricos em fibras.
  • Controlar a pressão arterial: Monitorar regularmente a pressão e seguir o tratamento prescrito pelo médico.
  • Gerenciar o diabetes: Manter níveis adequados de açúcar no sangue através de dieta, exercícios e medicação, se necessário.
  • Praticar exercícios físicos regularmente: Manter um peso saudável e melhorar a circulação.
  • Evitar o uso excessivo de medicamentos: Alguns medicamentos podem prejudicar os rins, especialmente quando usados em excesso ou sem supervisão médica.
  • Manter-se hidratado: Beber água em quantidade suficiente ajuda os rins a funcionarem adequadamente.
  • Evitar o consumo excessivo de álcool e tabaco: Essas substâncias podem prejudicar os rins e outros órgãos vitais.
Comentários:

Veja também

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!