Portal de Indaiatuba

Sexta-feira, 19 de Julho de 2024
Rádio Jornal
Rádio Jornal

Notícias Cultura

Festival prevê movimentar R$4 MI na economia local no mês de julho

Organização acredita que mais de 5 mil pessoas passarão pela cidade nos 10 dias de evento

Festival prevê movimentar R$4 MI na economia local no mês de julho
Cia de Dança de Cubatão abre a primeira Gala das Estrelas - CRÉDITO FOTO: DIVULGAÇÃO
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

A cidade de Indaiatuba (SP) se torna, a partir desta sexta-feira7 de julho, a capital internacional da Dança, com a realização da 30ª edição do Passo de Arte Grand Prix e a expectativa é que os 10 dias de evento gerem cerca de R$4 milhões para o município. O Festival, que chega a sua 30ª edição, sendo a 17ª no município, que integra a Região Metropolitana de Campinas (RMC), reúne pessoas de diversas regiões do Brasil e América Latina, bem como professores, equipe técnica e organização. 

Ao sediar o evento, a cidade recebe um aumento significativo de turistas e visitantes pontuais que impulsionam o comércio local, uma vez que demandam grandes estruturas de hospedagem, mão de obra, alimentação e transporte. “Em 2022, a produção do Passo de Arte envolveu mais de 50 pessoas trabalhando diretamente, três mil bailarinos e seus acompanhantes. Em termos de gastos com refeições e hospedagens, calculamos uma arrecadação média de R$900 mil para o setor. Fora isso, ainda se soma as compras diversas e transportes dentro da cidade. Avaliamos que, no ano passado, Indaiatuba faturou quase R$3 milhões com o Festival”, contabiliza o diretor de Produção, William Romão Costa.

Além disso, há repercussão econômica de forma indireta, oriunda do turismo e da contratação de serviços por participantes e organizadores. Por isso, um evento desse porte impulsiona diversos nichos, contribuindo para um aumento significativo nas vendas e na visibilidade das empresas. “Em 2023, Indaiatuba será a casa de bailarinos vindos de 15 estados brasileiros, do Paraguai, Argentina e República Dominicana. Esses grupos utilizarão hotéis e pousadas, meios de transporte, farão compras e se alimentarão na cidade, gerando em 10 dias aproximadamente R$4 milhões”, explica o diretor.

Entretanto, a importância deste evento vai além da repercussão econômica que promove. “Há uma cadeia produtiva nas escolas que trabalham com costureiras, coreógrafos e professores, que se preparam o ano todo para as apresentações. Concomitantemente, acontece a bateria de cursos que fomentam o conhecimento e profissionalização para jovens estudantes”, elenca.

Há 17 anos, Indaiatuba foi escolhida como sede do Festival, segundo o diretor, por sua localização estratégica, na região metropolitana de Campinas e por estar próxima ao aeroporto de Viracopos. A mostra competitiva acontece na sala Acrísio de Camargo - que fica no Ciaei (Centro Integrado de Apoio à Educação de Indaiatuba), além dela o Festival ainda reúne workshops, cursos e uma feira voltada para o segmento.

SERVIÇO
30° Passo de Arte Grand Prix
Data: 7 a 16 de julho de 2023
Local: Sala Acrísio de Camargo (CIaei) – avenida Engenheiro Fábio Roberto Barnabé, 3655, Jardim Regina, Indaiatuba (SP) – MAPA AQUI
Ingresso: R$ 60 (inteira) / R$30 (meia) - exclusivamente na bilheteria do Ciaei das 13h às 20h -  a partir do dia 7 de julho
Mais Informações: william@passodearte.com.br 
Site Passo de Arte | YouTube passodearte 

Comentários:

Veja também

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!